PDM

Plano de Desenvolvimento Municipal

Icone Seta.

Geoprocessamento

Geo Base
Geo Base

Base cartográfica municipal e sistemas de geoprocessamento.

Geo Base
Geo Finanças
Geo Finanças

Aumento anual de receitas municipais.

Geo Finanças
Geo
Multifinalitário
Geo
Multifinalitário

Visão técnica e multisetorial do município.

Geo Multifinalitário
Planos
Setoriais
Planos
Setoriais

Planos de ações para atingir metas com menor custo e prazo.

Planos Setoriais
27 de novembro de 2018
Curitibanos identifica aumento superior a 22% em área construída após recadastramento

A implantação do geoprocessamento na Secretaria de Administração e Finanças trouxe atualização e domínio do cadastro, constatando aumento superior a 22% em sua área construída.

Leia mais
16 de maio de 2016
Paraty aumenta receita em dez milhões de reais com georreferenciamento

O secretário de Finanças Leônidas Santana informa que levando em conta os resultados dos lançamentos de IPTU de 2015 e 2016, do Programa Mais Valia e demais taxas, o aumento das receitas municipais superou os dez milhões de reais.

Leia mais
25 de fevereiro de 2015
Araras investe em geoprocessamento para recuperar 50 milhões de reais

As ações desenvolvidas em Araras contribuíram para que o valor venal territorial urbano quadruplicasse. Passou de R$ 1,2 bi em 2013 para R$ 4,5 bilhões em 2014. Cadastro imobiliário constatou aumento de 30,24% de área construída.

Leia mais
20 de maio de 2014
Taquaritinga moderniza o cadastro imobiliário e passa a ser referência

A atualização cartográfica de Taquaritinga passou a ser digital, sem lançamentos em papel. Com a integração do mapa urbano fiscal ao cadastro imobiliário, ortofotos e fotos frontais, a prefeitura passou a ser referência de informações urbanas.

Leia mais
05 de maio de 2017
Georreferenciamento torna gestão municipal mais eficiente em Pará de Minas

É comum ver o geoprocessamento relacionado com o aumento de arrecadação tributária, mas Pará de Minas mostra na prática que essa tecnologia vai muito além. O município disseminou o uso às secretarias e colhe bons resultados.

Leia mais
06 de março de 2017
Cambuí usa geoprocessamento no combate à recessão econômica

O aumento da arrecadação por meio do geoprocessamento deu condições à prefeitura de Cambuí enfrentar as dificuldades financeiras em 2016. Com o trabalho, a receita municipal teve aumento real de 23% com ISSQN e de 41% com IPTU.

Leia mais
09 de novembro de 2015
Há dez anos que Indaiatuba tem aumento contínuo nas receitas municipais

A atualização constante desde 2005 por meio do geoprocessamento trouxe benefícios à cidade. Para servidores, informações ajudam na tomada de decisão e tornam o serviço público eficiente, proporcionando qualidade de vida aos cidadãos.

Leia mais

Tour
Virtual

Veja mais

Solicite
Orçamento

Veja mais

Empresa

Atuando no mercado desde 1999 e com mais de 100 contratos executados em municípios de várias regiões do país, a Geodados é referência nacional na prestação de serviços de geoprocessamento para Prefeituras. A empresa está homologada no Ministério da Defesa na categoria A e está apta a realizar os levantamentos aeroespaciais e os serviços decorrentes. Registrada no CREA, CAU e CRBIO, sua equipe é formada por profissionais especializados e com experiência de trabalho comprovada.

Saiba mais

Depoimentos

“Na primeira utilização, que se não me falha a memória foi em 2009, nós tínhamos uma defasagem, uma diferença grande na área construída declarada e a área real de construção. Nesse primeiro momento quando foi feito o primeiro serviço de geoprocessamento/ georreferenciamento na cidade nós identificamos uma sonegação de área construída muito grande, nós tivemos um acréscimo na arrecadação relacionado a isso da ordem de mais de 30% e o próprio processo vai se refinando e você vai chegando a níveis até melhores que isso. É uma questão de gestão. Inevitavelmente há um incremento de receita e o que deve haver é um planejamento pra saber o que se vai, o que se pretende fazer com esse incremento de receita. Havendo um planejamento, sim, você consegue fazer novos investimentos. No caso de Olímpia nos conseguimos com esse incremento financiar contrapartida para convênios e novas obras. ”

Cleber José Cizoto - Secretário de Finanças da Prefeitura de Olímpia (SP)

“Foi uma receita expressiva da ordem de seis milhões de reais que a gente acrescentou e que isso veio para o caixa da prefeitura para futuros investimentos em áreas ligadas ao planejamento urbano. Até na questão da Geodados foi um projeto muito diferente digamos assim, de sucesso, porque nós colocamos algumas metas, a gente queria implementar o lançamento de todos os IPTUs corrigidos pro ano de 2014 e acabamos postergando um pouco a contratação, o processo licitatório em que a Geodados ganhou, e o tempo ficou curto pra Geodados apresentar todo o material necessário, mas colocamos esse desafio pra Geodados e eles entregaram o material no prazo pretendido e conseguimos lançar coisa de 80% dos cadastros imobiliários lançamos para o IPTU de 2014 os outros 20% restantes lançamos para o IPTU de 2015, mas foi um projeto desafiador e a Geodados cumpriu com brilhantismo esse desafio. ”

Ronaldo Luís de Ávila Câmara – Secretário de Planejamento da Prefeitura de Barretos (SP)
Apoio
Finep
Fapesp
Ciência e Tecnologia
Homologada categoria A
Ministério da defesa